Shopping paulistano é a obra pré-fabricada de 2017

Parque da Cidade consumiu 14.600 m3 de concreto para a produção de elementos pré-moldados e venceu tradicional premiação da ABCIC

Parque da Cidade consumiu 14.600 m3 de concreto para a produção de elementos pré-moldados e venceu tradicional premiação da ABCIC

Parque da Cidade obteve certificação LEED e agregou qualidade de vida ao entorno em que foi construído
Parque da Cidade obteve certificação LEED e agregou qualidade de vida ao entorno em que foi construído

A Associação Brasileira da Construção Industrializada de Concreto (ABCIC) elegeu o shopping center Parque da Cidade como o vencedor do prêmio Obra do Ano em Pré-Fabricados de Concreto. A construção abrange 65,7 mil m², distribuídos em quatro pavimentos de lojas e seis subsolos de garagens, além de três pavimentos técnicos e cobertura. A estrutura engloba lajes, vigas e pilares pré-moldados no local. O desafio foi produzir elementos resistentes ao empuxo desequilibrado do terreno, mas mantendo as estruturas pré-moldadas como premissa. A opção pela construção industrializada também garantiu à edificação a certificação LEED for Neighborhood Development (LEED ND) nível Silver, desenvolvido pelo US Green Building Council.

Significa que o projeto agregou melhorias ao entorno, como áreas verdes, espaços para lazer e novos acessos à mobilidade urbana. Além disso, o principal conceito do shopping, que é combinar entretenimento, socialização, natureza, cultura, diversidade, conveniência e compras, foi absorvido pela região em que ele se encontra – entre os bairros do Morumbi e Santo Amaro, na capital paulista. O complexo engloba 120 lojas, uma torre de salas comerciais, cinco torres corporativas, um hotel, dois edifícios residenciais, além de quiosques e restaurantes integrados a um parque linear. O projeto estrutural foi de Francisco Paulo Graziano, o projeto arquitetônico de Luiz Felipe Aflalo Herman, do escritório Aflalo & Gasperini Arquitetos, e o fornecimento das estruturas de pré-fabricado de concreto ficou a cargo da CPI.

Segundo Íria Doniak, presidente-executiva da ABCIC, nesta edição houve um recorde de obras inscritas, o que demonstra a versatilidade dos pré-fabricados de concreto como solução de engenharia para atender os mais diversos segmentos da construção – desde projetos de pequeno porte até obras especiais de infraestrutura. “O prêmio visa reconhecer os esforços e comprometimento do setor, dos engenheiros projetistas e dos arquitetos para o desenvolvimento do pré-fabricado de concreto no Brasil. Além disso, a quantidade de projetos inscritos mostra que, mesmo neste período desafiador, nosso segmento continua a trabalhar fortemente, trazendo técnica, qualidade, sustentabilidade, produtividade e cumprimento de prazos ousados dos clientes”, diz Íria Doniak.

Tecnologias inovadoras

O volume de concreto pré-fabricado usado na construção do Parque da Cidade chegou a 14.600 m3. Entre as tecnologias inovadoras usadas na construção do shopping paulistano estão as lajes leves com elementos Bubbledeck®, o aterro ultraleve com EPS (Expandend Polysterene), adequado para fundações em terrenos moles, as paredes de alta performance, que consistem em montantes de perfis galvanizados plaqueados com gesso e preenchidos com argamassa – método que reduz em 75% a produção de resíduos no canteiro de obras -, além de banheiros prontos, fachadas pré-moldadas e centrais de concreto dosado em central para a produção de elementos pré-moldados no local.

Três obras também foram agraciadas pela comissão julgadora do Prêmio Obra do Ano em Pré-Fabricados de Concreto 2017. Como destaque do júri, foi premiada a expansão da estação general Osório do metrô do Rio de Janeiro, com projeto estrutural de Eriton Nunes da Costa. Já nas menções honrosas, destaque para outros dois empreendimentos: Casa das Pérolas Deslizantes, em Bauru-SP, com projeto arquitetônico de Fernando Fonte e projeto estrutural de autoria de Flávio Isaia; e a expansão do Jaraguá do Sul Park Shopping, em Jaraguá do Sul-SC, com projeto estrutural de João Kerber e projeto arquitetônico de Manoel Doria P.G. Neto. O Prêmio Obra do Ano foi criado em 2011 pela ABCIC.

Veja detalhes do projeto estrutural do Parque da Cidade

Entrevistada
Engenheira civil Íria L
ícia Oliva Doniak, presidente-executiva da ABCIC (Associação Brasileira da Construção Industrializada do Concreto)

Contato: abcic@abcic.org.br

Crédito Foto: ABCIC

Jornalista responsável: Altair Santos MTB 2330


Massa Cinzenta

Cooperação na forma de informação. Toda semana conteúdos novos para você ficar por dentro do mundo da construção civil.

Veja todos os Conteúdos

Cimento Certo

Conheça os 5 tipos de cimento Itambé e a melhor indicação de uso para argamassa e concreto.Use nosso aplicativo para comparar e escolher o cimento certo para sua obra ou produto.

Cimento Portland pozolânico resistente a sulfatos – CP IV-32 RS

Baixo calor de hidratação, bastante utilizado com agregados reativos e tem ótima resistência a meios agressivos.

Cimento Portland composto com fíler – CP II-F-32

Com diversas possibilidades de aplicações, o Cimento Portland composto com fíler é um dos mais utilizados no Brasil.

Cimento Portland composto com fíler – CP II-F-40

Desempenho superior em diversas aplicações, com adição de fíler calcário. Disponível somente a granel.

Cimento Portland de alta resistência inicial – CP V-ARI

O Cimento Portland de alta resistência inicial tem alto grau de finura e menor teor de fíler em sua composição.

descubra o cimento certo

Cimento Certo

Conheça os 5 tipos de cimento Itambé e a melhor indicação de uso para argamassa e concreto.Use nosso aplicativo para comparar e escolher o cimento certo para sua obra ou produto.

descubra o cimento certo