Curso de Gestão e Tecnologia de Sistemas Construtivos de Edificações

A expansão do mercado da construção carece de especialistas em edificações. O curso da UFSCar é uma alternativa para solucionar esta questão. Saiba como na matéria.

Como integrar os sistemas construtivos e de edificações com a formação de profissionais especialistas em materiais e a demanda do crescente mercado da construção

Por: Michel Mello

O Departamento de Engenharia Civil (DECiv), da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) está com inscrições abertas para o VI Curso de Especialização em Gestão e Tecnologia de Sistemas Construtivos de Edificações. Esta especialização procura integrar a diversidade das questões gerenciais e tecnológicas envolvidas nas etapas da produção da construção civil, análise de viabilidade e planejamento do empreendimento. E com isso, formar profissionais especializados e capazes de enfrentar os desafios do mercado.

O crescente mercado da construção exige dos profissionais uma qualificação constante.

A busca por tecnologias inovadoras no setor da construção civil que permitam melhores desempenhos e atuação no mercado. “Este é o princípio que norteia o curso de pós-graduação desde o seu início a mais de dez anos”, afirma o Guilherme Aris Parsekian, que é um dos coordenadores e idealizadores do programa.

Histórico

O curso foi elaborado pelos professores Guilherme Aris Parsekian, José Carlos Paliari e Simar Vieira de Amorim no ano de 1999, que já previam a necessidade de profissionais especialistas no setor de edificações. Na visão dos coordenadores o tempo de formação acadêmica dos engenheiros civis era pequeno. Era necessário oferecer um programa que tratasse especificamente de edificações.

Para suprir esta demanda, vem sendo realizado a cada dois anos o curso de especialização que busca a qualificação de diretores, engenheiros, gestores e outros profissionais ligados à área de produção das edificações. A proposta ultrapassa os limites do canteiro de obras e inclui uma busca constante por novas tecnologias e processos mais atuais de edificação. Os materiais são uma preocupação à parte, desde a concepção do empreendimento, as atividades de planejamento e projeto até a fabricação de materiais e componentes.

“O programa é ofertado para suprir a forte demanda por capacitação e nivelamento dos profissionais, pois em um curso de engenharia não há tempo e nem espaço para a execução de projetos em edificações”, afirma o professor Guilherme.

“O resultado disso é que temos um déficit por profissionais capacitados em sistemas construtivos e de edificações no mercado brasileiro. Daí surgiu o curso de especialização para suprir a demanda crescente, já que o Brasil se encontra em um forte movimento de expansão do setor da construção civil”, completa.
 
Disciplinas X Mercado

As disciplinas ofertadas pelo curso procuram abranger conteúdos dinâmicos e atuais, de acordo com a realidade e a necessidade do mercado. E nesse contexto, visa instruir o aluno, que é um profissional do segmento da construção, aos novos processos empregados em edificações e materiais.

Jorge Aoki, gerente da Assessoria Técnica da Cia. de Cimento Itambé, diz que “um dos pontos que merecem destaque no curso de especialização é a prerrogativa de aliar a teoria com a prática. Trazendo as perspectivas da realidade enfrentada diariamente em uma construtora, ou mesmo em um canteiro de obras, para a sala de aula”. 

Jorge também destaca que: “as disciplinas ligadas aos sistemas construtivos são de fundamental importância nos currículos, pois ensinam os alunos a conhecer os materiais. Hoje em dia o mercado apresenta uma grande diversidade de materiais com qualidades distintas. Em um canteiro de obras é essencial que o profissional da construção saiba comparar questões como qualidade dos materiais, regularidadedesvio padrão – e preço final do produto. Os melhores são aqueles que cumprem todos estes aspectos”, afirma. 

Grade curricular

A grade curricular do curso de especialização enfatiza diversas disciplinas todas relacionadas ao tema edificação e sistemas construtivos. Destacamos abaixo aquelas que tratam diretamente de processos relacionados à construção e à utilização de materiais como cimento e concreto.

Tecnologia dos Sistemas Construtivos em Estruturas de Concreto
Discute as tecnologias de produção das estruturas de concreto armado para edifícios, com abordagem conceitual e aplicada. Ênfase na visão sistêmica à gestão do processo de produção, a racionalização construtiva e as novas tecnologias para o incremento de produtividade.

Tecnologia dos Sistemas Construtivos Industrializados
Abordagem dos aspectos relacionados aos sistemas estruturais industrializados que utilizam aço, madeira e concretos pré-fabricados como também os sistemas complementares de vedação e fechamento e a compatibilização entre os vários subsistemas.

Tecnologia dos Sistemas Construtivos em Alvenaria Estrutural e de Vedação
Trata de conceitos sobre o projeto de vedações verticais e de edifícios de alvenaria estrutural. Levando em consideração o comportamento estrutural, racionalização e compatibilização entre os subsistemas arquitetura, instalações e estrutural.

Tecnologia de Produção de Revestimentos de Argamassa e Cerâmicos
Trata dos subsistemas de revestimentos verticais e horizontais em argamassa e cerâmicos no que diz respeito ao projeto, à produção e ao controle. Enfatiza a racionalização construtiva como meio de evolução tecnológica dos métodos construtivos apresentados.

Durabilidade dos Materiais e Componentes da Construção Civil
Fornecer ao aluno conhecimentos relativos aos principais aspectos inerentes à durabilidade dos materiais e componentes de construção civil e suas inter-relações com o processo construtivo. Serão também descritas as propriedades físicas e mecânicas dos materiais e suas relações com os fenômenos relativos à deterioração, além de aspectos pertinentes ao impacto da tecnologia da construção no desenvolvimento sustentável e no meio ambiente.

Estrutura do curso

São oferecidas 30 vagas e o curso é realizado a cada dois anos. As aulas são presenciais e têm duração de 380 horas-aula. Essa especialização conta com uma extensa equipe de especialistas da UFSCar, USP, UFRJ, UNESP e de outras renomadas empresas que atuam no projeto e na gestão de obras de engenharia. Considerado entre os cinco melhores do país, o curso conta, também, com docentes de outras instituições que, somados aos da UFSCar, conferem ao mestrado o caráter interdisciplinar proposto pelos idealizadores.

>> Entrevistado
Guilherme Aris Parsekian
– Engenheiro Civil pela Universidade Federal de São Carlos (UFSCar)
– Coordenador do curso de Engenharia Civil da UFSCar
– Mestre em Engenharia de Estruturas – Escola de Engenharia de São Carlos (EESC/USP)
– Doutor em Engenharia Civil – Escola Politécnica da Universidade do Estado de São Paulo (EPUSP)
– Pós-doutorado na Universty of Calgary
Email: parsekian@ufscar.br

Jornalista responsável: Silvia Elmor – MTB 4417/18/57 – Vogg Branded Content


Massa Cinzenta

Cooperação na forma de informação. Toda semana conteúdos novos para você ficar por dentro do mundo da construção civil.

Veja todos os Conteúdos

Cimento Certo

Conheça os 5 tipos de cimento Itambé e a melhor indicação de uso para argamassa e concreto.Use nosso aplicativo para comparar e escolher o cimento certo para sua obra ou produto.

Cimento Portland pozolânico resistente a sulfatos – CP IV-32 RS

Baixo calor de hidratação, bastante utilizado com agregados reativos e tem ótima resistência a meios agressivos.

Cimento Portland composto com fíler – CP II-F-32

Com diversas possibilidades de aplicações, o Cimento Portland composto com fíler é um dos mais utilizados no Brasil.

Cimento Portland composto com fíler – CP II-F-40

Desempenho superior em diversas aplicações, com adição de fíler calcário. Disponível somente a granel.

Cimento Portland de alta resistência inicial – CP V-ARI

O Cimento Portland de alta resistência inicial tem alto grau de finura e menor teor de fíler em sua composição.

descubra o cimento certo

Cimento Certo

Conheça os 5 tipos de cimento Itambé e a melhor indicação de uso para argamassa e concreto.Use nosso aplicativo para comparar e escolher o cimento certo para sua obra ou produto.

descubra o cimento certo