Venda de material de construção sobe 7,6% em julho

“Minha Casa, Minha Vida" deve favorecer ainda mais o setor até o final do ano

“Minha Casa, Minha Vida” deve favorecer ainda mais o setor até o final do ano

As vendas internas de materiais de construção mostraram alta de 7,6% em julho na comparação com o mês imediatamente anterior e queda de 12,2% ante julho de 2008, antecipou nesta terça-feira o presidente da Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção (Abramat), Melvyn Fox.

Fox afirmou que a alta verificada nas vendas em julho na comparação mês a mês foi a maior do ano. “Os números estão mostrando uma mudança de comportamento”, afirmou.

O boletim oficial da Abramat com o desempenho do setor em julho deverá ser divulgado na quarta-feira.
No acumulado dos sete meses de 2009, o setor ainda mostra retração de 15,45% no faturamento total deflacionado frente ao registrado no mesmo intervalo de 2008. Até o final do ano, entretanto, a indústria de materiais de construção acredita que conseguirá zerar essa perda.

– Ainda trabalhamos com a expectativa de estabilidade nas vendas em relação a 2008, o que representará um resultado muito bom considerando-se o desempenho da primeira metade do ano – disse Fox.
Para o presidente da Abramat, as vendas de materiais de construção de agosto a dezembro serão beneficiadas pelo início de obras no âmbito do programa do governo “Minha Casa, Minha Vida” e pela redução dos imóveis em estoque, o que estimulará a construção de novos empreendimentos.

– Além disso, a comparação dos três últimos meses do ano será favorecida, uma vez que o último trimestre de 2008 foi muito fraco – acrescentou.

Em julho, conforme a Abramat, a taxa de utilização da capacidade instalada da indústria ficou em 83 por cento, aproximando-se dos níveis pré-crise – em setembro de 2008, esse índice foi de 88%.

Outro indicador que sinaliza para uma virada no ânimo da indústria de construção civil é o de intenção de investimentos nos próximos 12 meses. Em pesquisa realizada neste mês, 43% das empresas do setor indicaram essa pretensão, ante 33% em maio.

Fonte: JB Online – 18/08/2009

Jornalista responsável – Altair Santos MTB 2330 – Tempestade Comunicação



Massa Cinzenta

Cooperação na forma de informação. Toda semana conteúdos novos para você ficar por dentro do mundo da construção civil.

Veja todos os Conteúdos

Cimento Certo

Conheça os 5 tipos de cimento Itambé e a melhor indicação de uso para argamassa e concreto.Use nosso aplicativo para comparar e escolher o cimento certo para sua obra ou produto.

Cimento Portland pozolânico resistente a sulfatos – CP IV-32 RS

Baixo calor de hidratação, bastante utilizado com agregados reativos e tem ótima resistência a meios agressivos.

Cimento Portland composto com fíler – CP II-F-32

Com diversas possibilidades de aplicações, o Cimento Portland composto com fíler é um dos mais utilizados no Brasil.

Cimento Portland composto com fíler – CP II-F-40

Desempenho superior em diversas aplicações, com adição de fíler calcário. Disponível somente a granel.

Cimento Portland de alta resistência inicial – CP V-ARI

O Cimento Portland de alta resistência inicial tem alto grau de finura e menor teor de fíler em sua composição.

descubra o cimento certo

Cimento Certo

Conheça os 5 tipos de cimento Itambé e a melhor indicação de uso para argamassa e concreto.Use nosso aplicativo para comparar e escolher o cimento certo para sua obra ou produto.

descubra o cimento certo