Obras de contenção de encostas são realizadas em Maceió

Três obras já foram entregues e seis estão em execução no momento; investimentos chegam a R$ 150 milhões
3 de agosto de 2023

Obras de contenção de encostas são realizadas em Maceió

Obras de contenção de encostas são realizadas em Maceió 1006 671 Cimento Itambé
Em 2023, com três obras já realizadas, houve uma redução de 60% no número de ocorrências.
Crédito: Jonathan Lins

Na cidade de Maceió (AL), a Prefeitura tem realizado obras de contenção de encostas em regiões com grande risco de deslizamentos, principalmente durante o período das chuvas. No momento, cinco obras estão em andamento e outras três já foram entregues.

Ao total, estão sendo investidos R$ 150 milhões para realizar a contenção de encostas da capital, de acordo com a Secretaria de Infraestrutura de Maceió (SEMINFRA). As obras de contenção de encostas nos bairros Benedito Bentes, Jacintinho e Barro Duro já foram entregues. No início de julho, as obras de Tabuleiro do Martins e Bebedouro estavam com um percentual de execução de 75%. Atualmente, são mais de 2.600 m2 de solo grampeado em poucos meses de obra, segundo a SEMINFRA.

A previsão é que parte das seis obras que estão em execução no momento sejam entregues este ano e as demais no primeiro semestre do ano que vem, segundo a SEMINFRA. “O prazo varia conforme tamanho da obra e da área contemplada”, destacou o órgão.

Técnica para contenção de encostas

Para realizar as obras de contenção de encostas, a Prefeitura de Maceió começou a utilizar a tecnologia de recomposto de PVC, um revestimento seguro de longa durabilidade. No total, 16 pontos da capital receberão essa tecnologia. 

“A intervenção consiste em aplicar o geocomposto, seguido de uma cobertura de concreto jateado, o que proporciona uma proteção duradoura e oferece segurança a quem mora em áreas de encosta”, explica a SEMINFRA. 

Obras utilizam a tecnologia de recomposto de PVC, um revestimento seguro de longa durabilidade.
Crédito: Junior Bertoldo

Em alguns pontos da Chã da Jaqueira e na Morada dos Palmares, a SEMINFRA utiliza as tecnologias de geomanta e solo grampeado para contenção de áreas de encostas, também com o objetivo de garantir a segurança dos moradores dessas localidades.

Redução de ocorrências

De acordo com a SEMINFRA, em 2023, Maceió reduziu em 60% o número de ocorrências comparando com anos anteriores. De janeiro a junho de 2023 foram registrados 877 chamados, enquanto 2021 registrou 2.274 e 2022 registrou 2.178, no mesmo período.

“As obras garantem mais segurança e proteção nos períodos chuvosos, para as famílias que moram próximo a áreas de risco. O trabalho de contenção de encostas envolve áreas de vulnerabilidade social, com crescimento populacional desordenado e com ausência de infraestrutura adequada de escoamento de água pluvial e saneamento. Desta forma, a presença de lixos afeta na topografia e no tipo de solo. Além disso, há a preocupação da realocação das famílias, conforme cada necessidade. Não mudar a estrutura da comunidade é um dos pontos levados em consideração no desenvolvimento do projeto e execução da obra”, informa a SEMINFRA.

Fonte
Secretaria de Infraestrutura de Maceió (SEMINFRA)

Contato
Assessoria de imprensa: maceiosecom@gmail.com

Jornalista responsável
Marina Pastore
DRT 48378/SP

3 de agosto de 2023

VEJA TAMBÉM NO MASSA CINZENTA

MANTENHA-SE ATUALIZADO COM O MERCADO

Cadastre-se no Massa Cinzenta e receba o informativo semanal sobre o mercado da construção civil