Rotina na Europa: obras executadas no final de semana

Em menos de três dias, túnel pré-fabricado pesando 3.600 toneladas foi instalado em rodovia da Holanda, sem interromper tráfego de veículos

Em menos de três dias, túnel pré-fabricado pesando 3.600 toneladas foi instalado em rodovia da Holanda, sem interromper tráfego de veículos

Por: Altair Santos

Túneis, pontes e passarelas montados em um final de semana, sem interferir no trânsito e sem causar transtornos para a população local. Este tipo de obra urbana, viabilizada cada vez mais rápido, já é rotina na Europa. Nos países escandinavos, as concessionárias de rodovias investem maciçamente em equipamentos e mão de obra especializada para empreender um volume cada vez maior de construções que demandem cronogramas enxutos de execução.

Instalação do túnel pré-fabricado de concreto começou na noite de sexta, dia 20 de maio, e terminou na madrugada de segunda-feira, 23 de maio
Instalação do túnel pré-fabricado de concreto começou na noite de sexta, dia 20 de maio, e terminou na madrugada de segunda-feira, 23 de maio

A solução está nas estruturas à base de elementos pré-fabricados de concreto, como ocorreu recentemente na autopista A12 – uma das mais movimentadas da Holanda. O organismo que faz a gestão das obras de infraestrutura rodoviária no país, conhecido como Rijkswaterstaat, precisava fazer um túnel ligando as pequenas cidades de Ede e Grijsoord, sem interromper o tráfego na estrada. Todo o planejamento foi para que a obra começasse às 20h de sexta-feira, 20 de maio de 2016, e se estendesse até às 5h da segunda-feira seguinte, 23 de maio.

O projeto previa retirar 12 mil m³ de terra, para assentar uma estrutura pré-fabricada de concreto, com 3.600 toneladas, medindo 70 metros de comprimento e 13,5 metros de largura. A obra ficou a cargo da construtora holandesa Heijmans, especializada em empreender tecnologias inovadoras em obras relacionadas à mobilidade urbana, e que atua como concessionária de um dos trechos da A12 até 2032. “Elaboramos esse projeto do começo ao fim, que inclui concepção, construção, financiamento e manutenção”, explica Mark Thompson, CEO da Heijmans.

Obra ecologicamente correta
Questões ambientais também obrigaram que o túnel fosse pré-fabricado, pois promover a construção in loco poderia comprometer a fauna da região. “Existe uma reserva animal perto da região e a obra precisou contemplar também passagens para as espécies que habitam o parque, sem que elas ficassem expostas ao fluxo de veículos”, completou Mark Thompson. A Heijmans empreende outras obras semelhantes ao longo da A12, como a construção de viadutos e passarelas. Todas as obras têm uma característica em comum: não interromper o fluxo de veículos.

A importância do túnel ligando Ede e Grijsoord é que os moradores que habitam as duas cidades-dormitórios, e trabalham em Haia, enfrentavam congestionamentos de até cinco quilômetros para sair da A12 e pegar um antigo contorno. O trajeto para a entrada das cidades também foi encurtado em 11 quilômetros. “Foi realmente a melhor solução e aprovamos integralmente”, disse Jan Hendrik Dronkers, diretor-geral de obras públicas da Rijkswaterstaat.

Outras quatro passagens semelhantes serão construídas ao longo da A12. As estruturas de pré-moldado já estão em fabricação, e cada uma delas receberá cerca de 28 mil m³ de concreto. A construtora Heijmans também já tem obras semelhantes contratadas na Bélgica e na Alemanha, em que será empregada a mesma tecnologia.

Veja timelapse com a construção do túnel na A12 da Holanda

Entrevistados
Rijkswaterstaat e construtora Heijmans (via departamentos de comunicação)
Contatos
civiel@heijmans.nl
informatiepuntwvl@rws.nl

Crédito Foto: Divulgação/Heijmans

Jornalista responsável: Altair Santos MTB 2330


Massa Cinzenta

Cooperação na forma de informação. Toda semana conteúdos novos para você ficar por dentro do mundo da construção civil.

Veja todos os Conteúdos

Cimento Certo

Conheça os 5 tipos de cimento Itambé e a melhor indicação de uso para argamassa e concreto.Use nosso aplicativo para comparar e escolher o cimento certo para sua obra ou produto.

Cimento Portland pozolânico resistente a sulfatos – CP IV-32 RS

Baixo calor de hidratação, bastante utilizado com agregados reativos e tem ótima resistência a meios agressivos.

Cimento Portland composto com fíler – CP II-F-32

Com diversas possibilidades de aplicações, o Cimento Portland composto com fíler é um dos mais utilizados no Brasil.

Cimento Portland composto com fíler – CP II-F-40

Desempenho superior em diversas aplicações, com adição de fíler calcário. Disponível somente a granel.

Cimento Portland de alta resistência inicial – CP V-ARI

O Cimento Portland de alta resistência inicial tem alto grau de finura e menor teor de fíler em sua composição.

descubra o cimento certo

Cimento Certo

Conheça os 5 tipos de cimento Itambé e a melhor indicação de uso para argamassa e concreto.Use nosso aplicativo para comparar e escolher o cimento certo para sua obra ou produto.

descubra o cimento certo