Previsão para 2012: será o ano dos trainees

Melhor compreensão da Lei do Estágio e reaquecimento da economia projetam maiores oportunidades de trabalho para os estudantes.

Melhor compreensão da Lei do Estágio e reaquecimento da economia  projetam maiores oportunidades de trabalho para os estudantes

Por: Altair Santos

Criada em setembro de 2008, a Lei do Estágio, assim que foi promulgada, causou dificuldades de adaptação tanto para as empresas  quanto aos estudantes. Por isso, o impacto inicial não foi positivo. Segundo dados do Nube (Núcleo Brasileiro de Estágios) houve redução média de 40% na oferta de vagas entre 2008 e 2009. Em 2010, o cenário começou a mudar. “Hoje, o mercado para estagiários já está normalizado. Todos os instrumentos jurídicos foram adequados à nova lei e as dúvidas dos empresários em relação a alguns pontos que eram novidades na legislação também estão sanados”, diz José Ribamar Brasil dos Reis, presidente do Centro de Integração Empresa-Escola do Paraná (CIEE-PR).

José Ribamar Brasil dos Reis, do CIEE: área da engenharia civil tem aberto, em média, 50 vagas por mês no Paraná.

Segundo José Ribamar, o que causou o período de inércia no mercado de estágios foram as interpretações dúbias da lei, quando ela foi implantada. “Primeiro, tentaram compará-la à CLT (Consolidação das Leis Trabalhistas) trazendo muitas dúvidas por parte dos empresários, principalmente se o custo de contratar um estagiário seria igual a contratar um empregado. Neste período, a oferta teve uma redução significativa, com a suspensão temporária das contratações. Mas agora estão definidas as obrigações da parte concedente de estágio, da instituição de ensino e do agente de integração , o que foi suficiente para reaquecer o mercado “, admitiu.

Por isso, a expectativa é que 2012 seja um dos melhores anos para estudantes que buscam estágios e vagas de trainees. O CIEE, por exemplo, estima que apenas no primeiro trimestre do ano devem ser abertas mais de 70 mil vagas em todo o país. Uma das áreas mais requisitadas será a engenharia. No Paraná, atualmente, o Centro de Integração Empresa-Escola já oferta cerca de 50 vagas por mês para estudantes de engenharia civil. “Metade delas é para o mercado de Curitiba”, afirma o presidente do CIEE paranaense, completando que tradicionalmente o primeiro trimestre de cada ano é o período de maior oferta de estágios. “Muitos estagiários se formam no final do ano anterior e são efetivados pelas empresas. Com isso, abrem-se novas vagas para reposição entre janeiro e março”.

Diferenças

Antes de buscar uma vaga no mercado, o estudante precisa saber diferenciar o que é estágio e o que é trainee. Diferentemente do trainee, que é um empregado registrado pela empresa, o estagiário não pode ser considerado um empregado, pois não possui registro em carteira profissional. Significa que o estagiário não tem direito a aviso prévio, férias e 13º salário. Além disso, a empresa não contribui com o INSS (Instituto Nacional de Serviço Social) e nem com o FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço). Pela lei n.º 11.788, o estagiário ganhou os seguintes direitos: recesso remunerado, redução da jornada de trabalho para 6 horas, auxílio-transporte e bolsa-auxílio. Atualmente, numa média nacional, um estagiário do ensino superior ganha R$ 825,00 enquanto um estudante do ensino médio recebe cerca de R$ 477,00 por mês.

Já um contratado para ser trainee – no caso, apenas os que estão no ensino superior podem se candidatar a essas vagas – chegam a ganhar até três vezes mais que um estagiário. São dois os motivos para que isso ocorra: os programas de trainee buscam os mais qualificados e são desenvolvidos para que o treinado ocupe um cargo estratégico dentro da organização. Na maioria deles, o objetivo é que o trainee galgue uma posição gerencial em até cinco anos. Já os programas de estágio possuem um período determinado (que não pode ser inferior a seis meses) podendo ou não efetivar o estagiário na empresa depois deste tempo. “O estudante precisa ter noção de que o mercado, tanto para trainees quanto para estagiários, exige comprometimento, dinamismo, disciplina, trabalho em equipe, relacionamento interpessoal e disposição para enfrentar desafios”, alerta José Ribamar Brasil dos Reis.

Entrevistado
José Ribamar Brasil dos Reis, presidente do Centro de Integração Empresa-Escola do Paraná (CIEE-PR)
Currículo

– Bacharel em Ciências Econômicas. Tem especialização na Fundação Getúlio Vargas (Rio de Janeiro) em Sistema de Controle e Execução de Projetos.
– Na área profissional, foi funcionário da Companhia Paranaense de Energia (Copel) e do BRDE (Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul) 
– Entre 2006 e 2010 foi vice-presidente do Centro de Integração Empresa-Escola do Paraná (CIEE-PR).
– No início de abril de 2011, tomou posse como presidente eleito do CIEE-PR para o biênio 2010/2012
Contato: comunica@cieepr.org.br (assessoria de imprensa)

Crédito: Divulgação/CIEE

Jornalista responsável: Altair Santos – MTB 2330


Massa Cinzenta

Cooperação na forma de informação. Toda semana conteúdos novos para você ficar por dentro do mundo da construção civil.

Veja todos os Conteúdos

Cimento Certo

Conheça os 5 tipos de cimento Itambé e a melhor indicação de uso para argamassa e concreto.Use nosso aplicativo para comparar e escolher o cimento certo para sua obra ou produto.

Cimento Portland pozolânico resistente a sulfatos

Baixo calor de hidratação, bastante utilizado com agregados reativos e tem ótima resistência a meios agressivos.

Cimento Portland composto com fíler

Com diversas possibilidades de aplicações, o Cimento Portland composto com fíler é um dos mais utilizados no Brasil.

Cimento Portland composto com fíler

Desempenho superior em diversas aplicações, com adição de fíler calcário. Disponível somente a granel.

Cimento Portland de alta resistência inicial

O Cimento Portland de alta resistência inicial tem alto grau de finura e menor teor de fíler em sua composição.

descubra o cimento certo

Cimento Certo

Conheça os 5 tipos de cimento Itambé e a melhor indicação de uso para argamassa e concreto.Use nosso aplicativo para comparar e escolher o cimento certo para sua obra ou produto.

descubra o cimento certo