Casa moldada “in loco” desencadeia franquia

Instalações elétricas e hidráulicas são acopladas às fôrmas modulares de resina plástica

Casa moldada “in loco” desencadeia franquia

Casa moldada “in loco” desencadeia franquia 634 545 Cimento Itambé

Norma para paredes de concreto permite reconhecimento do sistema construtivo e sua adaptação para a produção em larga escala

Por: Altair Santos

Montagem do gabarito é feita junto com instalações sanitárias

Publicada em maio de 2012, a ABNT NBR 16055:2012 (Parede de concreto moldada “in loco” para a construção de edificações – Requisitos e Procedimentos) tinha a intenção de popularizar a tecnologia. Agora reconhecido pelo Sistema Nacional de Aprovações Técnicas (Sinat), e com possibilidade de obter financiamento da Caixa Econômica Federal, o sistema construtivo ganhou o impulso de que precisava. A ponto de viabilizar a primeira franquia de construção de casas no Brasil. O modelo de concessão de venda permite erguer habitações em concreto moldado “in loco”, com fôrmas modulares de resina plástica. É assim que a Concre House já construiu 20 mil m² só no estado de São Paulo.

Para permitir que o sistema construtivo de paredes de concreto moldadas “in loco” fosse viável para o uso em franquias, o arquiteto Cláudio Barcellos, junto com a Universidade Sul– Riograndense, desenvolveu fôrmas modulares de resina plástica. Reutilizáveis, os equipamentos reduzem o risco de erro na montagem e geram menos entulhos e resíduos poluentes. Além disso, permitem redução de custo e suportam a aplicação de concreto com resistência final de 25 MPa, elaborado especificamente para a aplicação nas fôrmas.  “Um sobrado de 60 m² utiliza 29 m³ de concreto, incluindo a fundação radier, paredes e lajes”, explica Cláudio Barcellos.

Radier recebe concreto com resistência final de 25 MPa

Uma casa da franquia é erguida em duas semanas e finalizada em cinco semanas. Toda a tubulação elétrica e hidráulica é embutida no processo construtivo. Após a retirada das fôrmas, a construção fica com um aspecto monolítico de concreto, podendo receber acabamento final com textura colorida ou massa fina internamente e externamente nas paredes e no teto, e com cerâmicas nas áreas frias. A Concre House fiscaliza seus franqueados através de um software de gestão de obras e do acompanhamento de consultores de campo. Além disso, há o suporte de uma equipe de engenheiros civis. Atualmente, a franquia atua apenas em São Paulo. Em 2014, a meta é abrir dez unidades em outros estados.

Para se associar à Concre House, o franqueado precisa de um investimento mínimo de R$ 230 mil. O empreendedor não necessita ser graduado em engenharia civil, mas exige-se que tenha técnicos em edificação em seu quadro de funcionários. Além disso, ele recebe manuais de procedimento e os kits para a construção das casas. As ARTs (Anotações de Responsabilidade Técnica) são assinadas por engenheiros civis contratados pela franquia, assim como o acompanhamento da obra. “A franquia dá todo o suporte de engenharia”, afirma Cláudio Barcellos.

Instalações elétricas e hidráulicas são acopladas às fôrmas modulares de resina plástica

A construção das casas passam por sete etapas:

1) Montagem de gabarito, abertura e fechamento de esgoto e efluentes, com colocação de caixas de inspeção.

2) Concretagem do radier e execução de contrapiso.

3) Marcação, montagem de kits e dos elementos elétricos e hidráulicos dentro das fôrmas, além de concretagem e desmontagem das fôrmas de paredes e lajes.

4) Montagem da estrutura do telhado, colocação de telhas e acabamento elétrico.

5) Colocação dos revestimentos: massa lisa, piso cerâmico, rodapé cerâmico, azulejos, textura externa e forros em gesso.

6) Colocação de esquadrias, louças e metais.

7) Pintura interna e externa.

Casas ficam com aspecto de concreto monolítico

Entrevistado
Arquiteto Cláudio Barcellos, idealizador do sistema construtivo usado pela Concre House.
Contato: contato@concrehouse.com.br

Créditos Fotos: Divulgação/Concre House

Jornalista responsável: Altair Santos MTB 2330
VEJA TAMBÉM NO MASSA CINZENTA

MANTENHA-SE ATUALIZADO COM O MERCADO

Cadastre-se no e receba o informativo semanal sobre o mercado da construção civil