Tecnologia microCAD gera menos consumo e maiores resultados

Tecnologia microCAD gera menos consumo e maiores resultados

Tecnologia microCAD gera menos consumo e maiores resultados 150 150 Cimento Itambé

Microconcreto de alto desempenho contribui para programas de habitações populares

Por: Lilian Júlio

Uma tecnologia que ajuda as construtoras a economizar material: este seria um avanço importante na construção civil brasileira, principalmente nos programas de moradia popular. Assim é o microconcreto de alto desempenho (microCAD), um sistema construtivo mais leve estendendo a tecnologia do concreto armado a funções até então exclusivas de estruturas metálicas.

“Os pré-fabricados de microCAD contribuem para o desenvolvimento das habitações populares”.

As tecnologias de pré-fabricados leves de microconcreto existem desde o início da década de 60 no Brasil, mas apenas agora têm ganhado força graças ao desenvolvimento das habitações populares. “O microCAD possibilita a economia de material, diminuindo o consumo, e acaba gerando outras economias tanto na produção do pré-fabricado quanto na montagem da estrutura”, explica Paulo Eduardo Fonseca de Campos, professor do Departamento de Projetos da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo (FAUUSP) e coordenador do projeto microCAD do Programa Ibero-Americano de Ciência e Tecnologia para o Desenvolvimento (CYTED). Essa economia contribui para programas como o Minha Casa, Minha Vida, já que o consumo de material é menor, os custos são reduzidos e mais construções podem ser erguidas.

Para difundir o conhecimento em microconcreto de alto desempenho, a FAUUSP, em parceria com o CYTED, desenvolve entre os dias 18 e 21 de outubro o 4º Curso de Difusão MicroCAD. “É um curso aberto – podem participar tanto os alunos da USP quanto os profissionais de empresas privadas e também governamentais”, explica o professor Campos. “Embora o projeto do CYTED seja sobre as especificações do microCAD em geral, o curso será focado na aplicação dessa tecnologia”.

O microconcreto

Mas por que o microconcreto é vantajoso com relação aos demais pré-fabricados? Campos explica que as peças fabricadas com esta tecnologia são mais delgadas. “As peças são extremamente leves, o que possibilita inclusive a montagem parcial dos componentes manualmente”, conta o coordenador do projeto. Ele também explica que os pré-moldados de microCAD possuem alta resistência: ela chega a 200 MPa (2.000 kgf/cm²), com produtos de alta qualidade.

A principal característica destes produtos é a pequena espessura: ela varia entre 20 e 30 mm, conferindo à estrutura uma pequena massa. O nome microconcreto de alto desempenho se deve a não utilização de agregados graúdos em sua composição e porque a redução da porosidade da matriz do microconcreto confere uma resistência à compressão simples que supera os 110 MPa.

Para assegurar a durabilidade das estruturas delgadas é preciso desenvolver parâmetros para a aplicação do concreto de alto desempenho. Esse trabalho é responsabilidade do CYTED, que reúne profissionais da América Latina, Espanha e Portugal trabalhando com pesquisas científicas aplicadas e desenvolvendo uma normativa eficiente para a aplicação do microCAD.

Entrevistado:
Paulo Eduardo Fonseca de Campos
Currículo
Doutor em Arquitetura e Urbanismo pela FAUUSP, onde hoje é professor do Departamento de Projetos. Coordenador internacional do Projeto MicroCAD do Programa CYTED e membro do Grupo de Trabalho sobre Pré-fabricação da Fédération Internationale du Béton (FIB).

Jornalista responsável: Silvia Elmor – MTB 4417/18/57 – Vogg Branded Content
25 de outubro de 2010

VEJA TAMBÉM NO MASSA CINZENTA

MANTENHA-SE ATUALIZADO COM O MERCADO

Cadastre-se no e receba o informativo semanal sobre o mercado da construção civil