Júlio César de Oliveira, da Fabricon: debater alternativas para romper com juros altos é saída para cadeia produtiva da construção civil.