Criciúma ganha instituto de tecnologia de materiais

Perolizadora: um dos equipamentos já em uso no instituto, que será oficialmente inaugurado em 2015

Criciúma ganha instituto de tecnologia de materiais

Criciúma ganha instituto de tecnologia de materiais 1024 683 Cimento Itambé

Centro de pesquisa em Santa Catarina será credenciado como instituição técnica avaliadora, para desenvolvimento de sistemas construtivos inovadores

Por: Altair Santos

Santa Catarina é o que mais investe em institutos de tecnologia e inovação entre os estados da região sul. Até 2015, serão inaugurados dez novos centros de pesquisa nas cidades de Florianópolis, São José, Jaraguá do Sul, Joinville, Chapecó, Blumenau, Itajaí e Criciúma. Com financiamento do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) e do SENAI (Serviço Nacional da Indústria) chega a R$ 1,9 bilhão o volume de recursos para esses empreendimentos.

Perolizadora: um dos equipamentos já em uso no instituto, que será oficialmente inaugurado em 2015

Uma boa parcela do investimento destina-se às obras do instituto que vai aprimorar a tecnologia de materiais aplicados na construção civil. O centro de pesquisa terá sua sede em Criciúma, cidade localizada ao sul de Santa Catarina, e será voltado para o estudo de cerâmicos, poliméricos e metais ferrosos e não ferrosos, além de desenvolver projetos na área de nanotecnologia. O Instituto SENAI-SC de Tecnologia em Materiais será um dos mais completos do país e terá 14 laboratórios. Entre eles:

Laboratório de caracterização química
Laboratório de caracterização térmica
Laboratório de caracterização física
Laboratório de caracterização reológica
Laboratório de caracterização de microestrutura
Laboratório de intemperismo
Laboratório de caracterização de cerâmica de revestimento
Laboratório de caracterização de blocos e telhas cerâmicas
Laboratório de caracterização de blocos e telhas de concreto
Laboratório de caracterização de copos descartáveis e eletrodutos
Laboratório de caracterização de tubos e forro de PVC
Laboratório de caracterização tintas imobiliárias
Laboratório de caracterização de embalagens rígidas e flexíveis
Laboratório de  caracterização de borracha

Além de aprofundar as pesquisas sobre materiais, o instituto em Criciúma também será credenciado como Instituição Técnica Avaliadora do SINAT (Sistema Nacional de Avaliação Técnica ) vinculado ao ministério das Cidades. “Os serviços de consultoria compreenderão a parte do sistema de controle de qualidade nas obras de construção civil, pela implementação do sistema SiAC PBQP-H para construtoras. Além disso, no campo de pesquisa aplicada, serão realizados trabalhos focando o desenvolvimento de novas formulações para concretos e argamassas, buscando otimizar suas características e a recuperação e valorização de resíduos”, explica Steferson Luiz Stares, gerente do Instituto SENAI-SC de Tecnologia em Materiais.

O centro de pesquisa em Criciúma será usado também para a qualificação de profissionais ligados à engenharia. Em parceria com a UNESC (Universidade do Extremo Sul de Santa Catarina) fornecerá infraestrutura para o curso de pós-graduação em materiais para construção civil. Para atender todas as demandas, inclusive o de consultoria para as indústrias catarinenses, o instituto tem implementado seu sistema da qualidade baseado na ABNT NBR ISO/IEC 17025:2005 – Requerimentos gerais para Laboratórios de Ensaio e Calibração. “O objetivo é garantir todos os requisitos necessários, atendendo os interesses de todas as partes envolvidas no projeto”, afirma Steferson Luiz Stares.

A implantação do Instituto de Tecnologia em Materiais compõe o programa SENAI de apoio à competitividade da indústria brasileira, cuja meta é auxiliar o desenvolvimento industrial por meio de serviços técnicos e tecnológicos, e de inovação. “O SENAI é o agente escolhido para implantar a iniciativa de inovação e de apoio à competitividade, devido à sua experiência e representatividade nos principais setores industriais brasileiros”, completa o gerente do centro de pesquisa.

Entrevistado
Steferson Luiz Stares, gerente do Instituto SENAI-SC de Tecnologia em Materiais. Tem graduação, mestrado e doutorado em engenharia de produção
Contato: imprensa@sc.senai.br

Crédito Foto: Divulgação/Senai-SC

Jornalista responsável: Altair Santos MTB 2330
VEJA TAMBÉM NO MASSA CINZENTA

MANTENHA-SE ATUALIZADO COM O MERCADO

Cadastre-se no e receba o informativo semanal sobre o mercado da construção civil