Ana Maria Castelo: desaceleração da construção civil começou em 2010, mas ninguém percebeu