Ranking ITC mostra as 100 construtoras de 2014

Premiação do Ranking ITC aconteceu dia 10 de março, na ExpoRevestir

Ranking ITC mostra as 100 construtoras de 2014

Ranking ITC mostra as 100 construtoras de 2014 1024 682 Cimento Itambé

Grupos Plaenge e Thá são eleitos os melhores do sul em construções residenciais e comerciais; Matec vence no segmento construção industrial

Por: Altair Santos

Cinco construtoras paranaenses se destacaram na 11ª edição do Ranking ITC, que anualmente aponta as 100 construtoras que mais empreenderam no país – de acordo com o volume de m² ativos de 2014. Duas delas foram eleitas as melhores da região sul, nos segmentos construções residenciais e construções comerciais. São os grupos Plaenge e Thá. Já em área total construída, a Casa Alta, que atua principalmente nos interiores do Paraná, Santa Catarina e São Paulo, apareceu na 5ª colocação geral, com 3.233.536,47 m² de obras produzidas em 2014. A empresa superou gigantes como Rossi e Gafisa. As outras paranaenses bem posicionadas no ranking (estão entre as 50 melhores) foram a A. Yoshi, de Maringá, e a Construtora JL, de Cascavel.

Gilberto Kaminski, do Grupo Thá: liderança consolidada no sul do país

Apontado como um dos principais termômetros de desempenho pelas construtoras, o Ranking ITC teve a sua 11ª edição divulgada no dia 4 de março, durante a Expo Revestir, que aconteceu na cidade de São Paulo. Repetindo anos anteriores, o prêmio contemplou empresas nas seguintes categorias: residencial, comercial e industrial, todas subdivididas pelas regiões do país (sul, sudeste, norte, nordeste e centro-oeste). O ITC também premiou construtoras que se destacaram nas seguintes categorias: residências populares, mais lançamentos e mais obras entregues. Pela soma de todos os itens, a mineira MRV ganhou o prêmio Top ITC, por empreender 8.707.012 m² de obras em 2014.

Plaenge e Thá
No ranking geral, os grupos Plaenge e Thá apareceram, respectivamente, nas 14ª e 22ª colocações. No entanto, se destacaram regionalmente pela qualidade de seus empreendimentos. “Este prêmio mostra nossa consolidação no mercado do sul do país”, comemora Gilberto Kaminski, diretor de planejamento e controle da produção do grupo Thá, que recebeu o prêmio regional sul pela produção da empresa no segmento de edifícios comerciais. Já o grupo Plaenge ganhou pelo seu desempenho regional na construção de prédios residenciais. A construtora atua no Paraná, Santa Catarina, Mato Grosso do Sul e Mato Grosso. Em 2014, entregou 1.529.367,43 m² de área total construída, segundo o Ranking ITC. Ainda na região sul, no segmento obras industriais, a premiada foi a Matec. Fundada em São Paulo, a empresa consolidou subsidiárias que atuam fortemente no Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul.

Premiação do Ranking ITC aconteceu dia 10 de março, na ExpoRevestir

O Ranking ITC mostrou que, em comparação com 2012 e 2013, em 2014 houve um incremento expressivo do setor imobiliário na área comercial. Em 2012, o segmento recebeu US$ 40,70 bilhões (R$ 126 bilhões); em 2013, US$ 44,47 bilhões (R$ 136,92 bilhões) e em 2014, US$ 171,20 bilhões (R$ 530,7 bilhões). Neste mesmo período de 2014, a área industrial recebeu US$ 104,47 bilhões (R$ 323,85 bilhões) e a residencial US$ 12,32 bilhões (R$ 38,19 bilhões). Quanto ao número de obras, o destaque ficou com o segmento residencial. Foram 2.191 empreendimentos entregues em 2012; 1.529 em 2013, e 3.882 em 2014. Juntas, as regiões norte e nordeste viabilizaram 844 obras residenciais em 2014. Já o centro-oeste teve 258, o sul 769 e o sudeste 2.011. Segundo especialistas, esse número significativo de obras residenciais entregues no ano passado tem relação com empreendimentos iniciados durante o boom imobiliário experimentado no Brasil entre 2009 e 2012.

 

 

Confira o ranking ITC

Entrevistado
Inteligência Empresarial da Construção (ITC) (via assessoria de imprensa)

Contato: ranking@itc.etc.br

Créditos Fotos: Divulgação/ITC

Jornalista responsável: Altair Santos MTB 2330
VEJA TAMBÉM NO MASSA CINZENTA

MANTENHA-SE ATUALIZADO COM O MERCADO

Cadastre-se no e receba o informativo semanal sobre o mercado da construção civil