Estação Pirajá, na capital baiana: ponto final de uma obra cheia de percalços