Inteligência de Mercado traduz o que o cliente quer

Inteligência de Mercado traduz o que o cliente quer

Inteligência de Mercado traduz o que o cliente quer 150 150 Cimento Itambé

Na construção civil, departamento de IM monitora desde a escolha do terreno até a satisfação do comprador após um ano da aquisição do imóvel

Por: Altair Santos

Apesar de ainda ter um longo caminho a percorrer, a Inteligência de Mercado (IM) vem conseguindo seduzir a construção civil. Para incorporadoras e construtoras, a ferramenta serve como um tradutor dos anseios do consumidor. A metodologia permite que a companhia defina desde a escolha do terreno até as estratégias de lançamento e venda, passando pelo pós-atendimento. Na Cyrela Brazil Realty, por exemplo, a IM mede a satisfação dos clientes desde o momento da compra até 12 meses após a entrega da obra. O intuito é retroalimentar todas as áreas envolvidas, para corrigir rotas e melhorar projetos futuros.

Henrique Gasperoni, do Ibramerc: instituto desenvolve programas para difundir a Inteligência de Mercado no Brasil.

Segundo o diretor de marketing do Ibramerc (Instituto Brasileiro de Inteligência de Mercado) Henrique Gasperoni, no recente Fórum Nacional de Inteligência de Mercado, ocorrido em junho de 2012, a construção civil foi um dos setores que mais participou dos seminários. “Houve até uma sala setorial exclusiva para os profissionais da área”, comenta Gasperoni, lembrando que no fórum foi difundido amplamente o ciclo de inteligência, que consiste em identificar oportunidades, coletar informações estratégicas, efetuar a análise da situação, propor melhorias e monitorar a implementação. “Se as empresas do setor fizerem uso deste ciclo, muitas oportunidades serão encontradas e desenvolvidas na construção civil“, avalia.

No Brasil, os processos de Inteligência de Mercado ainda buscam a maturidade existente em países como Estados Unidos e Alemanha, e até mesmo China e Índia, que entre os integrantes dos BRICS são os mais familiarizados com a IM. “Muitas empresas brasileiras já percebem a vantagem em utilizar os conceitos de Inteligência de Mercado, entretanto ainda temos um longo caminho a percorrer. Por isso, o Ibramerc está desenvolvendo uma série de programas educacionais com o objetivo de difundir o IM no país”, explica Henrique Gasperoni, citando que os setores da indústria nacional que primeiro despertaram para esse modelo de gestão foram o farmacêutico, o automobilístico e o de bens de consumo.

O Ibramerc orienta que empresas interessadas em implantar a estratégia de Inteligência de Mercado devem, primeiro, oferecer capacitação e independência para os executivos obterem dados e proporem estratégias de melhorias no setor onde a área de IM irá atuar. Engenheiros, de acordo com Henrique Gasperoni, têm perfil para desenvolver processos dentro das companhias. “Eles possuem visão estratégica e estão entre os que mais buscam capacitação no Ibramerc”, afirma. Por ano, o instituto forma cerca de 500 profissionais habilitados a atuar em Inteligência de Mercado. “Mesmo assim, as empresas estão com dificuldades para contratar”, completa Gasperoni.

No caso da construção civil, a aplicação da Inteligência de Mercado se dá em forma de pesquisas, análise de desempenho, acompanhamento do mercado, estudo de cases e tendências. “É fundamental conhecer todo o processo. Desta forma, o ganho pode ser ainda maior”, completa o diretor de marketing do Ibramerc.

Entrevistado
Henrique Gasperoni, diretor de marketing do Ibramerc (Instituto Brasileiro de Inteligência de Mercado)
Currículo
– Henrique Gasperoni é graduado em análise de sistemas pela Universidade Ibirapuera (2002)
– Constituiu a Federação Brasileira de Desenvolvimento Corporativo (Febracorp) junto a outros diretores e profissionais da área, em 2002
– Atualmente, assume a função de diretor de Projetos e Operações de todos os institutos fundados pela federação
– Profissional envolvido constantemente com projetos ligados a área de supply chain, ebusiness, inteligência de mercado, fiscal e tributário

Contato: henrique.gasperoni@ibramerc.org.br
/ www.ibramerc.org.br
Créditos foto: Divulgação

Jornalista responsável: Altair Santos – MTB 2330
VEJA TAMBÉM NO MASSA CINZENTA

MANTENHA-SE ATUALIZADO COM O MERCADO

Cadastre-se no e receba o informativo semanal sobre o mercado da construção civil