Na mistura de polímeros para a produção de artefatos em Concreto Reforçado com Fibra de Vidro, qual seria o polímero adequado para adicionar ao cimento CP V-ARI? Vocês indicam outro cimento para esse tipo de trabalho?

Resposta: Realmente o uso de polímeros é uma prática muito interessante quando se deseja modificar ou realçar determinadas características que o concreto ou argamassa já tenha. Assim como os aditivos químicos (muitos consideram os próprios aditivos como polímeros, pois têm algumas funções semelhantes), os polímeros também não são produtos mágicos que “consertam”, por exemplo, uma dosagem mal formulada.

Em princípio, qualquer tipo de cimento pode ser composto com polímeros. O CP V-ARI tem ainda a característica de permitir rápida desforma ou condição de transporte e utilização do artefato. A indicação mais adequada do polímero será em função do tipo de produto e da característica do concreto que você deseja realçar: resistências à compressão, tração ou flexão, módulo de elasticidade, abrasão, impermeabilidade, retração, resistência química e outras.

Para cada necessidade você terá um tipo mais adequado de polímero. A fibra de vidro melhora bastante a resistência à retração e consequentemente, ao aparecimento de fissuras, além da resistência mecânica.