Cimento Itambé

Portal Itambé
Ligue-nos

Escada pré-fabricada de concreto sobe no conceito da obra

Área Técnica, Gestão, Inovação, Mercado da Construção, Novas Tecnologias, Sobre Concreto 28 de abril de 2016

Estruturas agilizam o cronograma. Feitas sob medida, depois de prontas elas são instaladas sem comprometer outras etapas da construção

Por: Altair Santos

Os projetos arquitetônicos que prevêem escadas estão dispensando construí-las in loco, e optando pelos equipamentos pré-fabricados. Os principais motivos: as estruturas são mais precisas e economizam tempo no cronograma da obra. Feitas sob medida, depois de prontas as escadas são instaladas sem comprometer outras etapas da construção. “Além destas vantagens, elas permitem ganho de espaço e dão mais leveza ao ambiente. Somando tudo, o investimento, colocado na ponta do lápis, acaba saindo mais em conta que a escada convencional”, aponta o engenheiro civil Ezequiel Cidral.

Escada com acabamento em concreto aparente está entre os produtos pré-fabricados

Escada com acabamento em concreto aparente está entre os produtos pré-fabricados

Especialista em pré-fabricados, o engenheiro lembra que as escadas de serviço de prédios ainda são construídas através do sistema convencional, seja por questões de projeto ou de logística. No entanto, quando elas têm a finalidade de ser um elemento decorativo da obra, opta-se pelas estruturas pré-fabricadas. Hoje, os principais consumidores deste tipo de produto são escritórios de arquitetura especializados em projetar casas. Neste caso, as escadas são personalizadas e podem custar de R$ 2.500 a R$ 30 mil, dependendo de suas características e dos materiais de acabamento.

Cada projeto de escada pré-fabricada de concreto necessita de fôrmas exclusivas. “Por exigir medidas exatas, uma escada nunca sai como a outra. Neste caso, temos que produzir fôrmas para cada uma delas”, ressalta Ezequiel Cidral. A fabricação de uma escada leva de dois a quatro dias, dependendo do porte da obra. Já a montagem pode chegar a 12 dias. No local em que será instalada, a escada é chumbada em paredes, vigas e pilares. “No caso de elementos que precisam ser fixados em vigas laterais, daí é necessário desenvolver sapatas próprias para receber essas estruturas”, completa o engenheiro.

Cada um dos projetos de escada exige fôrmas próprias para sua fabricação

Cada um dos projetos de escada exige fôrmas próprias para sua fabricação

Normas e medidas

As escadas pré-fabricadas devem atender tanto as normas técnicas relacionadas ao concreto armado quanto às de segurança. Depois de prontas, elas aceitam vários materiais de acabamento: granito, mármore, madeira, porcelanato, vidro ou qualquer outro tipo de revestimento. Atualmente também têm se destacado as escadas pré-fabricadas em concreto aparente.

A construção de uma escada tem quatro medidas prioritárias: a proporção dos degraus, o comprimento da escada, o número de degraus e a largura dos degraus.

Proporção dos degraus
É necessário que exista uma proporção entre altura e profundidade de cada degrau. Existe uma regra-padrão adotada pela maioria dos construtores, que é 18 centímetros de altura por 27 centímetros de profundidade.

Comprimento da escada
Muda de projeto para projeto, mas também existe uma regra para se chegar ao tamanho exato. Neste caso, ela deve levar em conta a altura e a profundidade de cada degrau da escada.

Número de degraus
Também existe uma regra: normalmente divide-se a altura entre os dois pavimentos por 18 centímetros, sempre levando em consideração as diferenças milimétricas do cálculo.

Largura do degrau
Também depende de cada projeto, mas o padrão vai de 80 centímetros a 120 centímetros.

Entrevistado
Engenheiro civil Ezequiel Cidral, CEO da Escadas Millenium
Contato: contato@escadasmillenium.com

Crédito Foto: Divulgação/Escadas Millenium

Jornalista responsável: Altair Santos MTB 2330


Leia também:

3 Comentários