ENECE realça credibilidade da engenharia estrutural

ENECE realça credibilidade da engenharia estrutural

ENECE realça credibilidade da engenharia estrutural 150 150 Cimento Itambé

Edição 2012 destaca respeito internacional conquistado pelos profissionais brasileiros, além dos avanços tecnológicos que hoje envolvem os projetos

Por: Altair Santos

A engenharia estrutural brasileira consolida-se como uma das mais respeitadas do mundo. Não só pelos conceitos que desenvolveu, principalmente a partir da década de 1960, mas pela normatização que hoje deve ser seguida pelos projetos. Essa credibilidade foi realçada no 15º ENECE (Encontro Nacional de Engenharia e Consultoria Estrutural) que ocorreu no final de outubro, em São Paulo. Promovido pela ABECE (Associação Brasileira de Engenharia e Consultoria Estrutural) o evento atraiu palestrantes internacionais como o engenheiro civil português Tiago Braga Abecasis e o norte-americano Arnold Van Acker.

Evento realizado em São Paulo reuniu profissionais de todo o país e marcou a troca da diretoria da ABECE.

Segundo o ex-presidente da ABECE, Eduardo Barros Millen, que no encontro empossou a nova presidente da associação, a engenheira civil Suely Bacchereti Bueno, esse tipo de intercâmbio reforça ainda mais o prestígio de projetistas e calculistas brasileiros. “Os serviços desses profissionais têm sido amplamente requisitado no exterior. Em determinados quesitos, estamos mais para ensinar do que aprender. Mas devemos ter também a humildade suficiente para ir buscar lá fora resultados de ensaios de estruturas e peças que ainda não temos aqui”, ressalta.

Millen destaca que, felizmente, a consultoria estrutural passou a ter um mercado com demanda aquecida. “O trabalho desses profissionais é que garante qualidade, durabilidade e segurança à construção. Por isso, há cerca de quatro ou cinco anos temos experimentado falta de mão de obra qualificada para trabalhar em escritórios de projeto estrutural. Esse fato levou a ABECE, em parceria com a FESP (Faculdade de Engenharia São Paulo) e a TQS Informática, a montar um curso de pós-graduação lato sensu para formação de especialistas em estruturas de concreto. Também há uma demanda dos clientes por profissionais cada vez mais qualificados”, diz.

O 15º ENECE abordou ainda os avanços tecnológicos e as mudanças que os softwares causaram na engenharia estrutural. Para isso, o decano Mário Franco concedeu uma palestra onde traçou uma linha do tempo que foi desde a régua de cálculo até o programa que hoje encanta os projetistas: o BIM (Building Information Modeling). “A evolução dos métodos de trabalho foi significativa. Os softwares ajudam a dar maior precisão nos cálculos estruturais, agilizam o trabalho e o fazem com menos erros do que se fazia antes do seu advento. Desde os tempos das contas com réguas de cálculo, passando pelas calculadoras de quatro operações, computadores de grande porte e chegando aos microcomputadores, laptops e tablets, houve muitas mudanças. No entanto, nunca se dispensou a experiência e o bom senso do engenheiro estrutural”, afirma.

Nova diretoria

Eduardo Barros Millen: em determinados quesitos, engenharia estrutural brasileira está mais para ensinar do que aprender.

A nova presidente da ABECE, a engenheira civil Suely Bacchereti Bueno, tem uma experiência profissional de quase 40 anos na área de estruturas. Atualmente, ela concentra-se na coordenação da CE 02:124.15 (Comissão de Estudo de Estruturas de Concreto – Projeto e Execução) constituída pela ABNT para revisar a NBR 6118 – Projeto de estruturas de concreto – Procedimento. Além de Suely Bueno, os demais integrantes da diretoria da ABECE para o biênio 2012-2014 são os seguintes:

Vice-Presidente de Relacionamento: Augusto Guimarães Pedreira de Freitas


Vice-Presidente de Tecnologia e Qualidade: Jefferson Dias de Souza Junior


Vice-Presidente de Marketing: João Alberto de A. Vendramini


Diretor Administrativo-Financeiro: Roberto Dias Leme

Diretores
Enio Canavello Barbosa
Guilherme Covas
João Luiz Zattarelli
José Luiz V. C. Varela
José Martins Laginha Neto
Thomas Garcia Carmona

Conselho Deliberativo
Bruno Contarini
Francisco Paulo Graziano
Júlio Timerman
José Augusto De Ávila
Natan Jacobsohn Levental
Nelson Covas
Sônia Regina Freitas
Virgílio Augusto Ramos

Entrevistado
Eduardo Barros Millen, ex-presidente da ABECE (Associação Brasileira de Engenharia e Consultoria Estrutural)
Currículo
– Engenheiro civil graduado pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo
– É sócio-diretor da ZMC (Zamarion e Millen Consultores SS Ltda.) e presidiu a ABECE no biênio 2010-2012
Contato: www.abece.com.br
Créditos fotos: Divulgação / Itambé

Jornalista responsável: Altair Santos – MTB 2330
VEJA TAMBÉM NO MASSA CINZENTA

MANTENHA-SE ATUALIZADO COM O MERCADO

Cadastre-se no e receba o informativo semanal sobre o mercado da construção civil