Empire State Building: reformas fazem prédio economizar US$ 2,8 milhões por ano em consumo de energia elétrica.