Currículo é para retratar a vida profissional, e não peça de ficção