Prédios comerciais estão entre os que mais reivindicam certificações de construção sustentável