Saiba por que comprador técnico precisa ser engenheiro

Comprador técnico deve acompanhar a obra, para verificar bom uso dos materiais

Saiba por que comprador técnico precisa ser engenheiro

Saiba por que comprador técnico precisa ser engenheiro 600 450 Cimento Itambé

Era do profissional que cotava, negociava e fechava pedido ficou para trás. Hoje, profissional tem que entender do projeto aos materiais

Por: Altair Santos

A função de comprador técnico na cadeia produtiva da construção civil está se tornando um cargo cada vez mais dominado por engenheiros civis. A busca pela qualificação se deve às exigências crescentes, e que passaram a requerer novas habilidades para a função. Entre elas: gestão estratégica de suprimentos, contemporaneidade, conhecimento técnico, escolha e qualificação dos fornecedores e desenvolvimento de processos de aquisição e indicadores.

Comprador técnico deve acompanhar a obra, para verificar bom uso dos materiais

Comprador técnico deve acompanhar a obra, para verificar bom uso dos materiais

Para a engenheira civil Joyce Benedetti, que possui mais de 10 anos de experiência na área, atuando em construtoras, obras públicas e privadas, o conhecimento técnico do comprador passou a ser uma exigência, pois a função tornou-se estratégica nas obras. “O profissional da área tem participação ativa em todas as fases do empreendimento, pois vai conversar com diversos departamentos. Hoje, ele alimenta o planejamento, o financeiro e a engenharia”, diz.

Um das missões mais importantes do comprador técnico é prever os chamados “custos ocultos”. “Para detectar custos ocultos, o profissional precisa ter conhecimento de materiais e equipamentos, e estar informado sobre o projeto. Com base nos dados que lhe são passados, ele verifica se o fornecedor tem capacidade de atender a demanda e pode até propor mudanças, caso um produto não atenda as especificações solicitadas para a obra”, comenta Joyce Benedetti.

A engenheira civil completa que se o produto não for bem cotado e bem comprado, a empresa começa a ter perda de lucratividade e a obra passa a gerar “custos ocultos”. Por isso, Benedetti aconselha que o comprador técnico faça visitas regulares à obra, em todas as suas fases. “Além de aprimorar o perfil do comprador, a visita ao canteiro permite verificar a qualidade do material, como ele foi entregue pelo fornecedor e se está sendo usado corretamente pela mão de obra”, alerta.

Fornecedor
Outra função importante do comprador técnico é a sua capacidade de validar o fornecedor. “Ele é quem vai verificar se o fornecedor tem capacidade de atender a demanda da obra. Por isso, precisa fazer investigações que vão desde a verificação de normas ISO e cumprimentos de requisitos do Inmetro, até a saúde financeira da empresa fornecedora. O comprador precisa cotar fornecedores em condições de atender a obra”, resume a especialista.

Joyce Benedetti define quais devem ser as características de um fornecedor: “Um bom fornecedor é aquele que tem tecnologia para fabricar produtos na qualidade exigida e capacidade de produzir as quantidades necessárias. Além disso, deve demonstrar que administra seu negócio com eficiência suficiente para ter lucro e, ainda assim, vender produtos a preços competitivos.”

Por todas essas complexidades que passou a abranger a compra técnica é que o engenheiro civil sai em vantagem para ocupar a função. “A compra técnica, antigamente, era um cargo burocrático. O comprador cotava, negociava, fechava o pedido e ia embora. Hoje, o cargo é estratégico, mas ainda há empresas que preferem compradores com formação administrativa e ligados à área financeira. Porém, a maioria já opta por profissionais técnicos. Além de engenheiros civis, também existem engenheiros de produção e engenheiros de logística desempenhando muito bem a função”, finaliza Joyce Benedetti.

Clique aqui e assista ao webseminário “O papel do comprador técnico na construção civil”.

Entrevistada
Engenheira civil Joyce Benedetti, com 10 anos de experiência na área de compras. Atualmente trabalha na construtora MBigucci. (entrevista com base no webseminário de que ela participou, intitulado “O papel do comprador técnico na construção civil”)

Contato
joyce@vreggio.com.br

Crédito Foto: Divulgação

Jornalista responsável: Altair Santos MTB 2330
VEJA TAMBÉM NO MASSA CINZENTA

MANTENHA-SE ATUALIZADO COM O MERCADO

Cadastre-se no e receba o informativo semanal sobre o mercado da construção civil