Luís Antônio Fayet: governo tem sido alertado sobre apagão portuário desde 2007.